GEOCOUNTER

domingo, 28 de junho de 2009

VOCES AINDA VAO TOCAR MUITO ROCK AND ROLL....



BLINDAGEM!!!!!

Rolling Stones - O Começo
Livro de fotos capta o período em que a banda alcança o estrelato com “Satisfaction”. Imagens revelam a intimidade dos Rolling Stones - as primeiras casas, os bastidores dos primeiros grandes shows e a transição de uma banda que acreditava no sucesso para outra com absoluta certeza dele. Quando os Rolling Stones aterrissaram em Copenhague no dia 25 de março de 1965, o fotógrafo Bent Rej estava na hora e lugar certos. Ele era amigo dos empresários locais da banda e por isso acabou sendo apresentado aos Stones e viajando com eles pela Escandinávia. Durante quarenta anos o resultado dessas fotos ficou completamente esquecido, Bent abandonou a fotografia de rock após uma briga com Brian e passou desde então a dedicar-se à moda e à publicidade. Em Rolling Stones – O começo Bent Rej mostra, em mais de 300 imagens, o ano em que os Rolling Stones se tornaram a maior banda de Rock’ n’ Roll de todos os tempos. São fotos fantásticas, das primeiras casas compradas por eles, os carrões, o cotidiano, os primeiros grandes espetáculos.

sábado, 27 de junho de 2009

SATISFACTION !!!!


I can't get no satisfactionI can't get no satisfaction'Cause I try and I try and I try and I tryI can't get no, I can't get no When I'm drivin' in my carAnd that man comes on the radio. He's tellin' me more and moreAbout some useless informationSupposed to fire my imaginationI can't get no, oh no no noHey hey hey, that's what I sayI can't get no satisfactionI can't get no satisfaction'Cause I try and I try and I try and I tryI can't get no, I can't get no When I'm watchin' my TVAnd that man comes on to tell me How white my shirts can be But he can't be a man 'cause he doesn't smokeThe same cigarrettes as meI can't get no, oh no no noHey hey hey, that's what I sayI can't get no satisfactionI can't get no girl reaction'Cause I try and I try and I try and I tryI can't get no, I can't get noWhen I'm ridin' round the worldAnd I'm doin' this and I'm signing thatAnd I'm tryin' to make some girlWho tells me baby better come back later next week'Cause you see I'm on losing streakI can't get no, oh no no noHey hey hey, that's what I sayI can't get no, I can't get noI can't get no satisfactionNo satisfaction, no satisfaction, no satisfaction...

O PORQUE DA GUERRA


Professor Einstein:
São vãs as sua objeções para que eu não responda à suas amável carta. Efetivamente preciso dizer-lhe quão satisfeito fiquei da alteração havida no seu julgamento – ou, pelo menos, início de alteração. Sem dúvida que eu sempre soube que você me “admirava” por uma questão de cortesia e que acreditava muito pouco em quaisquer das minhas doutrinas, embora freqüentemente eu me perguntasse a mim mesmo o que, na verdade, havia nelas para ser admiradas, se não fossem a expressão da verdade, isto é, se não contivessem uma larga medida de verdade.
Incidentalmente, não acredita você que eu teria sido mais bem tratado se as minhas doutrinas contivessem uma porcentagem maior de erros e de extravagâncias? Você é tão mais moço do que eu que posso esperar contá-lo entre meus “seguidores” quando atingir a minha idade. Uma vez que, então, não poderei certificar-me disso, antecipo agora o prazer dessa possibilidade. (Você bem sabe o que se passa na minha cabeça: ein Vorgefühl von solchem Glück geniesse ich etc.)
In herzlicher Ergehenheit und unwandelbarer Verehrung,

Sig. Freud”.

Paz no Mundo!


Professor Freud,
A proposta da Liga das Nações e seu Instituto Internacional para Cooperação Intelectual, em Paris, de que eu convidasse uma pessoa para um franco intercâmbio de pontos de vista sobre algum problema que eu poderia selecionar, oferece-me oportunidade de conferenciar com o senhor a respeito de uma questão, que parece ser o mais urgente de todos os problemas que a civilização tem de enfrentar. Este é o problema: Existe alguma forma de livrar a humanidade da ameaça de guerra?
Sabemos que estamos longe de possuir qualquer organização supranacional competente para emitir julgamentos de autoridade incontestável e garantir absoluto acatamento à execução de seus veredictos. Mas a busca da segurança internacional envolve a renúncia incondicional, por todas as nações, em determinada medida, à sua liberdade de ação, ou seja, à sua soberania.
Não há dúvida de que estão em jogo fatores psicológicos de peso que paralisam os esforços no sentido de resolver esta questão. Alguns destes fatores são mais fáceis de detectar. O intenso desejo de poder, que caracteriza a classe governante em cada nação, sem dúvida é hostil a qualquer limitação de sua soberania nacional. Essa fome de poder político soma-se às aspirações econômicas puramente mercenárias de um outro grupo, que se considera a guerra, a fabricação e venda de armas como uma oportunidade de expansão de seus interesses pessoais. Mas, como é possível essa pequena corja dobrar a vontade da maioria, que se resigna a perder e a sofrer com uma situação de guerra, a serviço da ambição de poucos? Parece que uma resposta óbvia a essa pergunta seria que a minoria, a classe dominante atual, possui as escolas, a imprensa e, geralmente, também a Igreja, sob seu poderio. Isso possibilita organizar e dominar as emoções das massas e torná-las instrumento da mesma minoria. Mas como esses mecanismos conseguem tão bem despertar nos homens um entusiasmo extremado, a ponto de estes sacrificarem suas vidas? Pode haver apenas uma resposta. É porque o homem encerra dentro de si um desejo de ódio e destruição latente. Com isso chegamos a nossa última questão: É possível controlar a evolução da mente do homem de modo a torná-lo à prova das psicoses do ódio e da destrutividade? Aqui não me estou referindo somente às chamadas massas incultas. A experiência prova que é, antes, a chamada 'Intelligentzia' a mais inclinada a ceder a estas desastrosas sugestões coletivas, já que o intelectual não tem contato direto com o lado rude da vida. Somente falei das guerras entre nações, mas estou bem consciente de que o instinto agressivo opera sobre outras formas e em outras circunstâncias, por exemplo nas guerras civis devidas à intolerância religiosa e também nas perseguições a minorias raciais. Seria da maior utilidade para nós todos que o senhor apresentasse o problema da paz mundial sob o enfoque de suas mais recentes descobertas, para que pudéssemos demarcar um caminho para novos e frutíferos métodos de ação.

Muito cordialmente,
Albert Einstein”

quinta-feira, 25 de junho de 2009

terça-feira, 23 de junho de 2009

Ei, DeFreud cd vc ???




Rock tb é programa de Índio!



A tribo indígena Semínola, originária da Flórida, chegou a um acordo para comprar a cadeia de restaurantes e cassinos Hard Rock Café por US$ 965 milhões do grupo britânico Rank Group. A cadeia Hard Rock, que passará às mãos dos índios semínolas, é formada por 124 restaurantes, quatro hotéis, dois hotéis-cassino, e duas casas de shows, que operam todos sob a marca Hard Rock. Esta é a primeira compra de uma grande corporação internacional por uma tribo de índios nativos da América, e representa, segundo os analistas, um marco no aumento do poder econômico dos semínolas da Flórida e outras tribos indígenas no mundo dos negócios. A tribo Semínola, que vive em Hollywood (Flórida), é formada por 3.300 pessoas e governada por um Conselho Tribal de cinco membros eleitos por votação. O produto de seus investimentos se destina a serviços públicos próprios, como forças policiais e corpo de bombeiros, serviços sanitários de emergência, educação, saúde, habitação, tratamento de águas, desenvolvimento econômico, e parques e áreas de lazer.

fonte: globo.com

domingo, 21 de junho de 2009


Baiano de Salvador, sofre influência do rock dos anos 50 e da música nordestina, principalmente Luiz Gonzaga. Em 1960 forma o grupo Os Panteras, que se apresenta em Salvador e vai até o Rio de Janeiro, onde grava o LP 'Raulzito e os Panteras', que se revela um fracasso de vendas. Raul passa então a trabalhar como produtor da gravadora CBS, produzindo para astros da Jovem Guarda como Jerry Adriani. Grava às escondidas na empresa o anárquico disco 'Sociedade da Grã-Ordem Kavernista Apresenta: Sessão das Dez', com músicas suas e de Sérgio Sampaio. Perde o emprego e vai participar do Festival Internacional da Canção de 1972, classificando sua música 'Let Me Sing, Let Me Sing'. Logo em seguida é contratado pela Philips, que lança seus primeiros grandes sucessos, 'Ouro de Tolo', 'Metamorfose Ambulante', 'Al Capone' e 'Mosca na Sopa'. Mudou de gravadora outras vezes, brigando com todas elas. Outros sucessos foram 'Maluco Beleza', 'Rock da Aranha' e 'Carimbador Maluco', do especial infantil 'Plunct Plact Zum'. No final da carreira, com mais de 20 LPs gravados, problemas com o alcoolismo lhe causaram uma pancreatite fatal. Mesmo depois de sua morte, Raul Seixas continua uma espécie de lenda do rock e da anarquia brasileiros, com uma legião fiel de fãs. Atualmente todos os seus discos já foram lançados em CDs, além de diversas coletâneas.

sábado, 20 de junho de 2009

PROCURADOS !


Para quem está com saudade, quer a boa música d' Os Marlenes não pode deixar de comparecer no Vox Bar, no dia 21/06, para comemorar a festa dos 100mil e assistir um belo show. Haverá um breve intervalo de um mês entre o próximo show, aí quem quiser mais , vai no John Bull Music Hall no dia 24/07 e assiste mais um show regado a cervejas e coisas do gênero.


fonte: Renato QUEGE
foto/arte: Renato QUEGE

sexta-feira, 19 de junho de 2009

Uma imagem... diz mais que mil palavras!


Punk pela paz! Um mundo melhor é possível


A Princípio Ativo, banda de punk rock, nasceu há quatro anos quando a cena rocker de Vitória da Conquista fervilhava. Társis Valentim, Vitor Quadros e Klyverson Souza se aventuraram, respectivamente, na guitarra, no baixo e na bateria para cumprir uma promessa dos dois primeiros integrantes. Com músicas para incomodar e dar “tapas na cara”, a banda nascia como uma das poucas com militância Straight Edge na região. Depois de quatro anos, as músicas mudaram, os ideais se acalmaram, e Duda Amaral tomou o lugar de Klyverson na bateria.


Brincadeira ou não, a bnada. nasceu com intuito de chocar e incomodar. As músicas agressivas remetiam ao punk rock cru e cheio de luta. Integrantes da corrente Straight Edge (sXe) – corrente punk que é contra o uso de drogas lícitas e ilícitas –, o guitarrista e o baixista faziam questão de cutucar seus ouvintes com suas idéias, que, para muitos, são perturbadoras. Ainda que mantenha várias das características iniciais, eles ressaltam, o objetivo deixou de ser aquele: hoje a banda é diversão, não militância. “A gente não se preocupa mais com isso. Confrontar a sociedade é fácil. A gente falar de sociedade e a galera aplaudir é fácil, mas a gente falar assim pro cara: A sociedade não presta, mas você também não presta. Nenhuma banda faz isso, pelo menos aqui em Conquista não.”, diz Társis. “A gente escolheu uma posição não confortável no início, só que depois a gente cansou também.”

quarta-feira, 17 de junho de 2009

Para quem é muito rock and roll e me permite aprender a cada dia!


Você vai me dizer: o índio tá falando mas é selvagem, mas selvagens são vocês ... milhares de anos estudando e nunca aprenderam a ser civilização. Pra que você está estudando ? Pra destruir a Natureza e no fim destruir a própria vida ?"
(José Luiz Xavante)

Para a Kaingang rock and roll que me des-caixou

sobre o homem branco: "O mundo deles é quadrado, eles moram em casas que parecem caixas, trabalham dentro de outras caixas, e para irem de uma caixa à outra, entram em caixas que andam. Eles vêem tudo separado, porque são o Povo das Caixas...."

(Pajé do povo Kaingang fonte: Lúcia F. Kaingang)


É preciso amar não só por um instante, casualmente, mas sempre até ao fim - Dostoievsky

Obrigada por esse tempo juntos. Te amo demais! Feliz aniversário de casamoro!



"Todo o conhecimento, a totalidade de perguntas

e respostas se encontram no cachorro."


"Deve-se ler para fazer perguntas." Franz Kafka

"Quem possui a faculdade de ver a beleza, não envelhece." Franz Kafka

terça-feira, 16 de junho de 2009

DIÁLOGOS MARAVILHOSOS DO ROCK


O palco do Guarinha (R. XV de Novembro, s/n º) sedia nesta terça-feira (16), às 21 horas, o show Autoral, do músico, cantor e compositor paranaense Reinaldo Godinho.Acompanhado por Mário Conde (violão e cavaquinho) Jonas Cella (baixo) e Márcio Rosa (percussão) Godinho interpreta parcerias realizadas ao lado de nomes como Solda, Silvio de Tarso, Hilton Barcelos, entre outros.Natural de Siqueira Campos, Godinho é considerado um dos representantes mais autênticos da música popular paranaense. Entre os principais feitos de suas mais de três décadas de carreira, foi arranjador e produtor musical de artistas locais como Marinho Galera e o Grupo Nymphas. Os ingressos para o show custam R$ 12 e R$ 6 (meia-entrada). Mais informações, pelo telefone (41) 3304-7900.

fonte: Gazeta do Povo

segunda-feira, 15 de junho de 2009

Um site muito rock and roll: Povos Indigenas do Brasil

http://pib.socioambiental.org/pt foto:GEPRUDA
India Kaingang da
Aldeia Vanuire

ROCK É CIDADANIA!

Algumas pessoas vêem quem ouve Rock como rebeldes, mas hoje as posturas estão muito diferentes e a cada dia vemos mais bandas engajadas com Ações sociais por todo o mundo, vários projetos nascem a cada dia, o difícil de ver é uma banda que caminha no mundo do Rock Independente tomar a frente de projetos sociais, tomar alguns custos para si e correr a trás de aceitação para o trabalho, mas chegou ao meu conhecimento que em São Paulo a banda OITO PONTO ZERO (OPZ!) vem trabalhando nas escolas e tem ocorrido sucesso nos projetos conseguindo atingir mais de 10 mil alunos das escolas da rede pública e particular e realizará um show em pleno Rio Tietê, sobre uma balsa onde será gravado um DVD para divulgação de projetos ligados a cultura e Meio Ambiente, a banda Oito Ponto Zero está tomando um rumo onde só fazer música não é o suficiente.

domingo, 14 de junho de 2009

MAGAIVERS - Rock de Qualidade

SEGUNDA SHOW NO EMPORIO SAO FRANCISCO - IMPERDIVEL - TOCANDO COVERS DOS RAMONES. NO ULTIMO EU FUI E OS CARAS ARRASARAM. A IRREVERENCIA MELODICA DA INESQUECIVEL BANDA PUNK ROCK PODE SER REVIVIDA COM QUALIDADE E EMOÇÃO.

Nao conhece? Confere: http://www.myspace.com/magaivers
A banda tb ta pedindo um força, pois a musica de trabalho ta rolando na 91 rock : a música é "PARE" peçam e curtam: http://www.91rock.com.br/faleconosco.php

sábado, 13 de junho de 2009

Psicanalise no Brasil com muita qualidade!


O vestígio e a aura: corpo e consumismo na moral do espetáculo (2004) - Jurandir Freire Costa acredita que a psicanálise é uma invenção humana que só tem sentido se servir para melhorar a vida de seres humanos. Neste sentido, seu trabalho há muito tempo ultrapassou os limites de sua especialidade para a tarefa mais abrangente de refletir intensamente sobre a condição humana. Para Renato Janine Ribeiro, que assina o prefácio, Jurandir Freire Costa "tem a coragem de converter sua teoria e conhecimento em ação, naquela ação que é a do intelectual, ou seja, a tomada pública de posição". Em "Razões públicas, emoções privadas, a originalidade e a força das idéias desse psicanalista e pensador podem mais uma vez ser confirmadas.

sexta-feira, 12 de junho de 2009

QUEEN nos lembra de um inesquecivel rock para o dia dos namorados e namoradas!


Love of my life

Love of my life you´ve hurt me
You´ve broken my heart and now you leave me
Love of my life can´t you see
Bring it back bring it back , don´t take it away from me
Because you don´t know , what it means to me
Love of my life don´t leave me
You´ve taken my love you now desert me
Love of my life can´t you see
Bring it back bring it back
Don´t take it away from me, because you don´t know
What it means to me You will remember
When this is blown over And everything´s all by the way
When I grow older I will be there at your side to remind you
How I still love you I still love you Back hurry back
Please bring it back home to me
Because you don´t know What it means to me
Love of my life
Love of my life

quinta-feira, 11 de junho de 2009

Hotel California - EAGLES


On a dark desert highway, cool wind in my hairWarm smell of colitas, rising up through the airUp ahead in the distance, I saw a shimmering lightMy head grew heavy and my sight grew dimI had to stop for the nightThere she stood in the doorway;I heard the mission bellAnd I was thinking to myself,'This could be Heaven or this could be Hell'Then she lit up a candle and she showed me the wayThere were voices down the corridor,I thought I heard them say...Welcome to the Hotel CaliforniaSuch a lovely placeSuch a lovely facePlenty of room at the Hotel CaliforniaAny time of year, you can find us hereHer mind is tiffany-twisted, she got the mercedes-benzShe got a lot of pretty, pretty boys, that she calls friendsHow they dance in the courtyard, sweet summer sweat.Some dance to remember, some dance to forgetSo I called up the captain,'Please bring me my wine'He said, 'We haven't had that spirit here since 1969'And still those voices are calling from far away,Wake you up in the middle of the nightJust to hear them say...Welcome to the Hotel CaliforniaSuch a lovely placeSuch a lovely faceThey livin' it up at the Hotel CaliforniaWhat a nice surprise, bring your alibisMirrors on the ceiling,The pink champagne on iceAnd she said 'We are all just prisoners here, of our own device'And in the master's chambers,They gathered for the feastThe stab it with their steely knives,But they just can't kill the beastLast thing I remember, I wasRunning for the doorI had to find the passage backTo the place I was before'Relax,' said the night man,We are programmed to receive.You can check out any time you like,But you can never leave!

INESQUECIVEL...


Eagles é uma das mais famosas bandas de Country Rock mundial. A banda foi formada no início dos anos 70, por Randy Meisnner (baixo), Bernie Leadon (guitarra e vocais), Don Hendley (bateria) e Glenn Frey. Teve entradas e saidas de excelentes musicos na banda durante os anos 70. Na decada de80 fizeram uma série de shows com ótima aceitação por parte do público e ganharam um Prêmio Grammy. A formação atual da banda tem Joe Vitale (teclados) e o baixista e vocalista Timothy B. Schmitt, substituindo Randy Meisner. O sucesso mais famoso é "Hotel California". Até hoje Eagles é uma das bandas mais rentáveis da indústria musical dos EUA. O seu álbum ‘Their Greatest Hits 1971-1975’ vendeu mais de 29 milhões de cópias, número recorde naquele país, 41 milhões no mundo e é a seleção de sucessos mais vendida na história e o terceiro albúm mais vendido de todos os tempos. A banda já vendeu mais de 120 milhões de álbuns em todo o Mundo.

terça-feira, 9 de junho de 2009

Um cara muito rock and roll


Luis Carlos Rettamozo - Escritor, músico e poeta. Sua carreira artística remonta aos anos 1970, com premiações nas edições de 1975 e 1978 do Salão Paranaense e 14º Bienal de São Paulo. Tem diversas obras consagradas por um público exigente e diversificado. Articulado com o momento histórico, mas se se deixar levar pelos encantos da indústria cultural. Talvez você nao o veja tanto na TV, mas ve as marcas que deixa na cultura e na arte do paraná e do Brasil!

sexta-feira, 5 de junho de 2009

Excelente obra de Jurandir Freire Costa - um classico!


Tematizar a violência torna-se uma tarefa urgente para a psicanálise. A exposição e os efeitos sociais deste fenômeno obrigam o pensamento psicanalítico a rever questões relegadas a segundo plano ou dadas como resolvidas. Qual o impacto da violência cotidiana, qualquer que seja sua forma, na dinâmica intrapsíquica do sujeito? Qual a verdadeira extensão do conceito da violência, quando aplicado à clínica? Este trabalho pretende fornecer elementos que sirvam de apoio ao debate e à reflexão crítica sobre o tema.

BEATLES FOR EVER!


Paul McCartney e Ringo Starr, os dois Beatles sobreviventes da banda, apareceram juntos em Los Angeles na segunda-feira para apresentar um videogame "Rock Band", com o qual os fãs poderão reviver os triunfos musicais da banda. O game "The Beatles: Rock Band," que será lançado em 9 de setembro, será o primeiro passo dos Beatles em direção ao lançamento digital de sua música. Até agora a banda não permite que suas canções sejam descarregadas em sites como iTunes. McCartney e Starr se apresentaram juntos em abril num concerto beneficente em Nova York, mas suas performances juntos têm sido raras desde que os Beatles se separaram, em 1970. "The Beatles: Rock Band" é uma produção da Apple Corps Ltd, a empresa fundada pela banda nos anos 1960, e da Harmonix Music Systems, da MTV Games.

fonte: globo.com

quinta-feira, 4 de junho de 2009

Rock & Futebol


Nesta semana aconteceu na Estância Balnearia de Santos, litoral de SP, o lançamento do terceiro uniforme do Santos Futebol Clube pela Umbro. A festa foi coroada pela apresentação da banda ZOOM BEATLES. Com grandes clássicos da banda de Liverpool . O evento alcançou o sucesso esperado com muita gente e muita festa no encontro magico do rock com o esporte.

Este cara é muito Rock and Roll..... viva PAULO LEMINSK


Eu

Eu
quando olho nos olhos
sei quando uma pessoa
está por dentro
ou está por fora
quem está por fora
não segura
um olhar que demora
de dentro de meu centro
este poema me olha

quarta-feira, 3 de junho de 2009

Um livro recente e imperdivel de Jurandir Freire Costa


O risco de cada um - e outros ensaios de psicanálise e cultura (2007) - Kleist disse que, ao perdermos a inocência, as portas do paraíso se trancam atrás de nós. Mas complementou: é sempre possível dar uma volta ao mundo e descobrir a brecha por onde entrevemos que o paraíso perdido não estava antes nem estará depois; está ao lado. Está em cada ato de justiça praticado ou pleiteado; em cada palavra que honra o que temos de melhor e condena o que nos degrada, enfim, cada ato que torna o convívio humano mais livre e solidário. Enquanto tais valores permanecerem vivos, a vida do Outro transcendente está garantida. É este o risco de cada um e de todos nós.

Nascido num pequeno vilarejo de Pernambuco em 1944, Jurandir Freire Costa foi morar na cidade de Recife-PE onde formou-se em Medicina. Logo depois viajou para Paris, iniciando sua formação psicanalítica, no internato em Psiquiatria e um trabalho em Etnopsiquiatria na École Pratique des Hautes Études. Voltou ao Brasil e fixou residência no Rio de Janeiro, cidade na qual terminou sua formação psicanalítica. É membro do Círculo Psicanalítico do Rio de Janeiro e professor da Universidade Estadual do Rio de Janeiro (UERJ), no Instituto de Medicina Social (IMS), onde desenvolve suas pesquisas e orienta dissertações de mestrado e teses de doutorado.

Toca Raul neste frio!


Fazendo o Que o Diabo Gosta

Casamos num motelBem longe do altar
Lua de mercúrio, fogo e mel
Não fui o seu primeiro, ocê já tinha estrada
Dois filhos, um travesseiro e a empregada
Um anjo embriagado num disco voador
Jurou que o nosso amor era pecado
Mas a história mostra que a gente agrada a deus
Fazendo o que o diabo gosta
Casamos por tesão, tesão, tesão, tesão
Bateu o terror não tem mais solução
Te entrego os meus medos, meus erros, meus segredos,
Divido minhas guimbas com você
Um anjo embriagado num disco voador
Jurou que o nosso amor era pecado
Mas a história mostraQue a gente agrada a deus
Fazendo o que o diabo gosta
Quebramos nossas caras pra se lamber depois
Amor é ódio, é o certo pra nós dois
Casamos num motel
Bem longe do altar
Lua de mercúrio, fogo e mel

segunda-feira, 1 de junho de 2009

Toca Raul !!!!!!!!!!!!!!!!!!


Ave Maria da Rua

No lixo dos quintais
Na mesa do café
No amor dos carnavais
Na mão, no pé,
Oh, Tu estás, tu estás
No tapa e no perdão
No ódio e na oração
Teu nome é Yemanjah,Yemanjah
E é Virgem Maria
É Glória e é Cecília na noite fria
Ou minha mãe, minha filha
Tu és qualquer mulher
Mulher em qualquer dia
Bastou o teu olhar
Teu olhar pra me calar a voz
De onde está você, rogai por nós
ô minha mãe, minha mãe
Me ensina a segurar a barra de te amar
Não estou cantando só
Cantamos todos nós
Mas cada um nasceu com a sua voz,
Pra dizer, pra falar de forma diferente
O que todo mundo sente
Segure a minha mão quando ela fraquejar
E não deixe a solidão meassustar
ô ô minha mãe, nossa mãe
E mata minha fome
Nas letras do teu nome
ô minha mãe
Mata minha fome
Na glória do teu nome.